Arquivo mensais:setembro 2011

Escola Básica Arnaldo Brandão e NEC Ângela Dalçóquio:Construindo parcerias para a transmissão de práticas saudáveis

O programa Mais Educação da Escola Básica Arnaldo Brandão possui parceria com o NEC_Núcleo Escolar de contraturno Angela Dalçóquio. Entre as cinco oficinas existentes funciona a Horta escolar. Os alunos já desenvolveram diversas atividades importantes na prática oferecida por essa oficina. No ano de 2010 foram adquiridos materiais necessários a fim de organizar o espaço. Sendo possível, dessa maneira, a realização de atividades significativas de aprendizagem. A oficina de Ciências é oferecida pelo Núcleo de contraturno e realizada pela professora Elaine Cristina N. Astorga e as atividades práticas são complementadas pela oficina Horta do programa Mais Educação, cuja responsável é a monitora Lanéia Mezacasa. Existem portanto,duas oficinas integradas com objetivos em comum.
O projeto de implantação da horta escolar foi desenvolvido pela monitora Lanéia na universidade do Vale do Itajaí _ Univalli, no estágio de conclusão do curso de Ciências Biologia, no qual Lanéia fazia parte no ano de 2010. As professoras Maria Luiza Lemos e Yara Cristina Pereira , orientadoras do curso de Biologia, acompanharam o estágio e início da aplicação do projeto que está sendo desenvolvido até o presente momento ,na oficina. Os objetivos da implantação do projeto, entre outros são de melhorar a educação dos escolares, mediante aprendizagem ativa e integrada sob um plano de estudos de conhecimentos teóricos e práticos sobre diversos conteúdos; produzir durante o período escolar , frutas verduras e legumes frescos e sadios a baixo custo , bastando para isso que as hortaliças sejam plantadas e cuidadas com carinho e dedicação; proporcionar experiências de práticas ecológicas para a produção de alimentos aos escolares de tal forma, que possam transmiti-las a seus familiares e consequentemente, aplicar em hortas caseiras e comunitárias; melhorar a nutrição e bem estar dos escolares com alimentos frescos, nutritivos e sem contaminação por agrotóxicos, etc… Já foram desenvolvidas atividades diversas procurando alcançar esses objetivos, entre outras, o estudo dos períodos da horta, o cerco do jardim com pneus -vasos, criaçao da composteira, estudo sobre o equilíbrio ecológico e higienização das mãos de modo correto.
Os alunos aprendem teorias na sala de aula e em seguida conferem tudo entrando em contato diretamente com a terra, sementes, plantas frutíferas, etc… e sendo responsáveis pela limpeza, plantio e conservação das mesmas. O espaço da horta é contemplado por diversas espécies de plantas frutíferas como (bananeira, jabuticabeira, goiabeira, laranjeira, ameixeira, guaraná, café, etc…); verduras (alface, agrião, couve, pepino, tomate, rúcula, abóbora, almeirão, vagem, milho, etc…); temperos (manjericão, cebolinha, salsa, tomilho, orégano, etc…) e ervas medicinais (erva-doce, capim cidreira, boldo, sálvia, etc….). Também existe um belo pé de algodão para estudo dos alunos.
É muito comum e divertido, os alunos colherem verduras e frutas , fazerem a higienização e em seguida provarem os saborosos e nutritivos alimentos, tendo sua participação ativa no processo de plantio e colheita. Além dos chás medicinais como cana-de-cheiro e erva doce, por exemplo, que são servidos no lanche dos professores.Toda essa prática cria hábitos de ingestão de alimentos saudáveis na dieta diária, também incentiva os alunos a plantarem alguns alimentos em casa. Além disso, os alunos são conscientizados sobre a importância da conservação do meio ambiente através da criação da compostagem da horta que é formada por restos de alimentos do dia-a-dia que se transforma de adubo para o plantio. A compostagem é uma forma de reciclagem do próprio lixo orgânico que não se perde, se ao contrário, fosse depositado nos aterros sanitários.
A direção da Escola básica Arnaldo Brandão , NEC Ângela Dalçóquio e todos os profissionais envolvidos no processo estão muito satisfeito pelo sucesso da implantação da oficina da Horta Escolar pelo Programa Mais Educação.

 Coordenadora Mais Educação – EBAB Carla Rodrigues